Curitiba terá 500 bicicletas compartilhadas e 50 estações do serviço

Prefeito Rafael Greca anunciou a primeira empresa habilitada a prestar o serviço de bicicletas compartilhadas em Curitiba, a Tembici, nesta...

  • Prefeito Rafael Greca com o vice-prefeito Eduardo Pimentel, anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca com o vice-prefeito Eduardo Pimentel e demais autoridades, anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca com o vice-prefeito Eduardo Pimentel e demais autoridades, anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca com o vice-prefeito Eduardo Pimentel e demais autoridades, anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca com o vice-prefeito Eduardo Pimentel e demais autoridades, anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Vice-prefeito Eduardo Pimentel, no anúncio do serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca com a presidente da Agência Curitiba, Cris Alessi e a superintendente de Trânsito,
Rosangela Maria Battistella, anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Na imagem, a influenciadora digital Viviane Mendonça com o prefeito. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS
  • Prefeito Rafael Greca anuncia serviço de bikes compartilhadas na cidade. Na imagem, a influenciadora digital Viviane Mendonça com o prefeito. Curitiba, 22/09/2022. Foto: Pedro Ribas/SMCS

 

 

O prefeito Rafael Greca anunciou a primeira empresa habilitada a prestar o serviço de bicicletas compartilhadas em Curitiba, a Tembici, nesta quinta-feira (22/9), Dia Mundial sem Carro, no estacionamento da Prefeitura. Serão 50 estações, em locais que ainda serão definidos, e 500 bicicletas disponíveis nos principais eixos cicloviários da cidade.

O anúncio faz parte da ação Curitiba Viva Bem, da Semana Nacional do Trânsito e do Setembro da Mobilidade, um estímulo da Prefeitura à intermodalidade, com foco no pedestre e na adoção de tecnologias limpas de transporte.

“Esse é um momento de fundação de uma nova mentalidade, de abandonar a ideia de andar somente de carro", disse Greca

"A prioridade na cidade é de quem anda a pé, de bike, de transporte coletivo e, por último, de transporte individual”, ressaltou o prefeito. Ele comemorou: “Viva Curitiba, que agora tem 'bici'.”

Greca destacou também a presença da professora e influenciadora digital Viviane Mendonça, que não tem carro e faz seus deslocamentos de bike por toda a cidade. “Viviane é um exemplo de curitibinha que vai em direção ao futuro”, elogiou o prefeito.

Malha cicloviária

Curitiba conta com uma malha cicloviária de 252,1 quilômetros, entre ciclovias, ciclofaixas, ciclorrotas e vias compartilhadas. Até 2025, a cidade terá mais de 400 quilômetros de estrutura cicloviária espalhada pelos bairros.

A empresa Tembici foi a primeira a apresentar proposta no chamamento público, iniciado em maio pela Prefeitura e que prevê a implantação, instalação, manutenção e operação de sistemas de compartilhamento de bicicletas.

“O projeto em Curitiba é mais uma importante etapa do nosso propósito de transformar as cidades e a forma como as pessoas se deslocam. Temos certeza de que as bikes se tornarão parte da rotina dos curitibanos, em deslocamentos mais eficientes, econômicos e sustentáveis”, conta Juliana Minorello, diretora de Relações Governamentais e Advocacy da Tembici.

A empresa é líder em micromobilidade na América Latina e conta com 18 mil bicicletas nas principais capitais brasileiras, como Rio de Janeiro, São Paulo, Recife, Salvador, Brasília e Porto Alegre, além de Santiago no Chile e Buenos Aires na Argentina.

Segundo o secretário do Governo Municipal e presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Luiz Fernando Jamur, a iniciativa está inserida no Plano de Estrutura Cicloviária de Curitiba e alinhada aos demais projetos de mobilidade ativa, como o Caminhar Melhor. “Essa é mais uma etapa cumprida do plano de mobilidade da cidade”, afirmou Jamur.

Após o anúncio, o vice-prefeito Eduardo Pimentel, com a Família Folhas, testou e deu uma volta com as novas bikes.

Como vai funcionar

O sistema de compartilhamento de bikes com estação irá funcionar 24h, sete dias por semana, permitindo o acesso a informações, o cadastramento de usuários, retirada e devolução das bikes, de forma ininterrupta.

Para que possam utilizar as bicicletas, os usuários terão que fazer um cadastro e adquirir um plano pelo aplicativo de celular que será disponibilizado pela Tembici. A empresa oferecerá assinatura variadas, como viagem única, plano lazer, plano mensal e plano anual, para contemplar usuários eventuais e habituais. Os preços ainda estão sendo definidos pela empresa e vão depender do número de patrocinadores.

Após o uso, a bike precisará ser devolvida obrigatoriamente em uma das estações.

A fiscalização do serviço será de responsabilidade da Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito, através da Superintendência de Trânsito (Setran).

Segundo a superintendente de Trânsito de Curitiba, Rosângela Battistella, o edital de chamamento público segue aberto e outras empresas interessadas podem iniciar o processo de credenciamento a qualquer momento.

Equipamentos

As bicicletas disponíveis nas estações poderão ser convencionais ou elétricas e devem estar em conformidade com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e suas Resoluções sobre os critérios e equipamentos obrigatórios.

No caso das bicicletas elétricas, elas devem atingir a velocidade máxima de 25 km/h e possuir indicador de velocidade, campainha, sinalização noturna dianteira, traseira e lateral, espelhos retrovisores em ambos os lados e pneus em condições de segurança.

Implantação

Em até 30 dias, a Tembici fará a apresentação de um protótipo de estação com quatro bicicletas, em local a ser definido pela SMDT. O equipamento então passará por uma avaliação de uma comissão formada por técnicos da Setran e do Ippuc.

Após a aprovação da estação-teste e do licenciamento dos equipamentos, a empresa terá 60 dias para disponibilizar 70% da frota, e mais 30 dias para atingir 100% da frota. Ou seja, após aprovado o protótipo, a Tembici terá 90 dias para disponibilizar as 500 bikes.

A localização das estações que irão abrigar os equipamentos está sendo discutida com a Prefeitura de Curitiba. Os locais precisam estar adequados com os espaços disponíveis nas vias públicas, logradouros da cidade e nos principais eixos cicloviários, com maior enfoque na região central.

Presenças

Participaram o superintendente da Polícia Federal no Paraná, Antônio Paim de Abreu Júnior; representando o Detran-PR, Guilherme Rangel; o presidente da Urbs, Ogeny Maia Neto; a secretária municipal de Comunicação Social, Cinthia Genguini; o secretário municipal de Finanças, Cristiano Hotz; a presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, Cris Alessi; a secretária municipal de Meio Ambiente, Marilza do Carmo Oliveira Dias; o controlador geral do Município, Daniel Conde Falcão Ribeiro; o diretor da Escola Pública de Trânsito, Claudionor Agibert; vereadores; e servidores da Prefeitura.

 

Curitiba Viva Bem é uma política pública e uma das principais agendas da gestão do prefeito Rafael Greca, assim como a mobilidade urbana, sustentabilidade, empreendedorismo de impacto, cultura da inovação como processo social e cidade educadora. A importância da saúde e bem-estar para os curitibanos motivou a Prefeitura a mobilizar todas as áreas da gestão pública, que estão ampliando as ações de forma conjunta através do Curitiba Viva Bem.

Mais notícias

Semana Nacional do Trânsito será aberta nesta tarde

Celebrada de 18 e 25 de setembro, a semana busca conscientizar a população sobre boas práticas no trânsito e, consequentemente, reduzir o número de...

Trecho da República Argentina terá bloqueio para avanço de obras

A interrupção da passagem para motoristas deve ocorrer por um período de aproximadamente 45 dias

Representante da OEA conhece estrutura da Muralha Digital de Curitiba

Marcela Vega faz parte de uma missão de observação da OEA para acompanhar as eleições no Brasil

Prefeitura vai monitorar eleições com câmeras da Muralha Digital

Servidores do município vão atuar na logística e segurança das urnas até o pleito e também nas intervenções de trânsito